XPLG11: Tudo para você avaliar o FII XP LOG

Já conhece o fundo de investimento imobiliário XPLG11? Preparamos um guia com tudo sobre as regras e o retorno.

O XPLG11 veio para confirmar a ideia de que investir em fundos imobiliários pode trazer resultados financeiros atrativos. 

Lançado em 2016, em pouco tempo o FII XP LOG já conseguiu retornar mais de 10% aos seus cotistas.

Esse é um rendimento interessante para a modalidade, mesmo no curto prazo.

Mas há muito mais a saber sobre o XPLG11.

Você, que está analisando novas possibilidades de investimento, deve ficar de olho nas  informações que preparamos neste artigo.

Siga a leitura para conferir todos os dados de que precisa para fazer uma boa escolha em aplicações financeiras.

O que é o fundo XPLG11?

O XPLG11 é um fundo de investimento imobiliário (FII). 

Dessa forma, o investidor que compra uma de suas cotas investe em imóveis e obtém rendimentos por meio da negociação desses ativos.

Ou seja, aplicar em um FII significa entrar em uma espécie de grupo de investidores. 

Os recursos reunidos nesses fundos serão, então, investidos em ativos imobiliários.

Assim, a rentabilidade dos fundos de investimento está no recebimento de proventos mensais (com aluguéis e outros) ou, ainda, com a compra e venda das cotas.

Nesse sentido, o XPLG11 é um FII da modalidade tijolo que aplica os valores em compra, construção e venda de imóveis.

O Fundo Imobiliário XP LOG atua no segmento industrial e logístico, principalmente com galpões comerciais. 

No total, são 11 ativos localizados em cinco estados brasileiros: São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Pernambuco e Minas Gerais.

Como o XPLG11 funciona

A classificação da Anbima, a Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais, categoriza o XPLG11 em um investimento híbrido gestão ativa

Isto é, ele mescla diferentes modalidades de aplicações financeiras imobiliárias.

O gestor do fundo pode movimentar os ativos de acordo com as melhores estratégias.

Desse modo, a composição da carteira do fundo (em 08/19) é de 96% aplicados em imóveis e 4% em renda fixa e outras aplicações – que serão coordenadas pela gestão.

O Fundo Imobiliário XP LOG é administrado pelo Vórtx DTVM Ltda., e sua gestão é feita pela XP Gestão de Recursos Ltda.

Dessa forma, os valores acumulados no fundo serão aplicados e movimentados pelo gestor. 

Mas, caso ele decida, pode delegar as operações a um administrador – independentemente de aprovação dos cotistas em assembleia geral.

Informações gerais sobre o XPLG11

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o funcionamento do XPLG11, que tal ver outras informações sobre esse FII? 

Ficar por dentro de dados relevantes a respeito do fundo de investimento imobiliário ajuda na sua escolha.

O XP LOG tem taxa de administração que varia entre 0,75% e 0,95% ao ano

Os valores são aplicados sobre o patrimônio líquido ou o valor de mercado do fundo – se o FII fizer parte do índice de mercado (IFIX). 

O mínimo é de R$ 25 mil mensais, corrigidos pelo IPCA, principal indicador da inflação no país.

Assim, estão incluídas na taxa de administração a gestão, a custódia e a escrituração dos ativos. 

Além disso, o fundo tem taxa de performance de 20% sobre o que exceder IPCA + 6% ao ano.

Mensalmente, os cotistas devem receber seus rendimentos até o 10º dia útil do mês diretamente posterior à aplicação. 

Os valores pagos devem ser de, no mínimo, 95% dos lucros auferidos e apurados, de acordo com o regime de caixa.

O XPLG11 tem o objetivo de investir 2/3 do patrimônio líquido na exploração comercial de empreendimentos logísticos ou industriais.

Seus contratos são assim organizados:

  • 79% são atípicos e 21% típicos
  • 88% são reajustados pelo IPCA/IBGE, enquanto 12% são pelos índices IPC/Fipe

Todos os contratos vencem a partir de 2023.

Suas cotas alcançaram o valor mínimo de R$ 100 e máximo de R$ 152,50 nas últimas 52 semanas. 

O FII teve, além disso, valorização de 18,28% no período dos últimos 12 meses.

Dividendos do XPLG11

Seu mais recente Dividend Yield ficou em 0,52% como resultado do retorno por cota de R$ 0,64. 

Confira, ainda, outros dados sobre dividendos do XPLG11:

Proventos

Último

3 meses

6 meses

12 meses

Desde o IPO

Retorno por cota

R$ 0,6400

R$ 1,9200

R$ 3,8100

R$ 7,6100

R$ 12,4971

Em relação ao valor de cota atual

0,52%

1,57%

3,12%

6,22%

10,22%

Rentabilidade do XPLG11

Os últimos pagamentos do Fundo Imobiliário XP LOG variaram entre R$ 0,61 e R$ 0,64 por cota. 

Veja dados sobre a rentabilidade deste FII:

Data
Base

Data
Pagamento

Cotação
Base

Rendimento

28/02/20

13/03/20

R$ 129,00

R$ 0,64

31/01/20

14/02/20

R$ 135,50

R$ 0,64

30/12/19

15/01/20

R$ 152,50

R$ 0,64

29/11/19

13/12/19

R$ 125,60

R$ 0,64

31/10/19

14/11/19

R$ 111,35

R$ 0,64

30/09/19

14/10/19

R$ 106,30

R$ 0,61

30/08/19

13/09/19

R$ 107,70

R$ 0,61

31/07/19

14/08/19

R$ 107,15

R$ 0,61

28/06/19

12/07/19

R$ 102,00

R$ 0,61

31/05/19

14/06/19

R$ 103,20

R$ 0,61

 

Rendimentos Anuais por Cota

Observe, agora, a rentabilidade anual por cota.

O valor deve ser multiplicado pelo total de cotas do investidor.

Ano

Rendimentos

2018

R$ 3,55

2019

R$ 7,67

Vale a pena investir no XPLG11?

Considerando a rentabilidade, a quantidade dos ativos e as taxas do fundo imobiliário XPLG11, é possível entender que este FII tem boa atratividade.

Se deve fazer parte da sua carteira, contudo, só você tem a resposta.

Tudo isso vai depender dos seus objetivos como investidor e de sua análise a respeito das expectativas com a aplicação.

Para conhecer mais sobre o mercado financeiro e de investimentos, acompanhe o blog da Capital Research.

Temos informação de qualidade para você investir melhor!

Recomendados

Investimentos

IFIX: Entenda o Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários

Semelhante ao Ibovespa, indicador aponta o desempenho médio do mercado de fundos de ...

2 anos atrás

Investimentos

MGFF11: o que é, dividendos e como investir

O MGFF11 é um fundo que investe em fundos imobiliários. Descubra como funciona, ...

2 anos atrás

Investimentos

Taxa de administração dos fundos: o que é e como é cobrada

Descubra o que é taxa de administração em fundos de investimento e como analisar ...

3 anos atrás