Sócio investidor: quem é, cuidados e como encontrar

Descubra o que faz o sócio investidor, seu papel na empresa e quais cuidados tomar na hora de firmar uma sociedade.

Um sócio investidor é alguém que injeta dinheiro na sua empresa para que ela cresça e gere mais lucros.

Mas será que firmar uma parceria dessas é a melhor decisão para a sua empresa?

É preciso ter cuidado nessa hora, já que o sócio investidor terá responsabilidades na gestão e nas decisões empresariais.

Ao longo deste artigo, você vai encontrar as respostas das quais precisa para encontrar um sócio compatível com o seu negócio e com as suas prioridades de gestão.

Acompanhe a seguir.

O que é um sócio investidor

Sócio investidor é uma pessoa que aplica dinheiro em uma empresa para obter retorno financeiro.

Trata-se de um montante variável, que pode chegar ao valor total que a empresa necessita para melhorar processos ou crescer, aumentando sua capacidade de gerar lucros.

Em outras palavras, seu objetivo é valorizar o negócio para obter rentabilidade a partir da aplicação do dinheiro no ativo, mirando prazos variados. O sócio investidor também pode fazer parte da gestão da empresa.

Então, ele participa das atividades administrativas e gerenciais, colocando em prática estratégias de negócio e dividindo responsabilidades e decisões com os demais gestores e acionistas.

O principal benefício de ter um sócio investidor é a possibilidade de expandir a empresa por meio do aporte financeiro.

Afinal, é o dinheiro que viabiliza a criação de novos projetos, o aprimoramento dos processos, a contratação de novos profissionais e quaisquer outras ações necessárias para que o negócio cresça.

Outro benefício é o possível ganho de expertise a partir da acolhida do conhecimento e da capacidade do novo sócio.

Cuidados ao procurar sócio investidor

Qualquer sociedade deve ser planejada com cautela.

Possivelmente, além dos recursos para o negócio, você vai ganhar também mais uma voz nas decisões e na gestão da empresa.

Por isso, o principal cuidado ao procurar um sócio investidor é avaliar o quanto ele vai agregar além do dinheiro.

Afinal, é com ele que você vai dividir lucros, riscos e responsabilidades, além de tomar decisões sobre os rumos da empresa.

Se você tiver indícios de que ele não é um profissional com credibilidade e responsabilidade, ou mesmo que não tenha os mesmos valores que você, é melhor não firmar a sociedade.

De acordo com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), é necessário prestar atenção aos seguintes detalhes ao buscar um sócio:

  • O que ele espera de você e o que você espera dele
  • Até onde podem chegar juntos
  • Direitos e deveres de cada parte.

Se esses fatores não forem bem definidos na hora de procurar um sócio investidor, você pode ter problemas no futuro.

Para prevenir dissabores, vale a pena contar com assessoria jurídica para elaborar o contrato social, para definir direitos e obrigações de cada um.

Como encontrar um sócio investidor

Nas próximas linhas, criamos um passo a passo simples para que você identifique um sócio investidor adequado para a sua empresa. Fique atento às dicas.

 

Crie networking

O primeiro passo é investir em uma rede de contatos para conhecer empresários interessados no segmento em que você atua e encontrar oportunidades de parcerias.

Para isso, participe de eventos na área, feiras de negócios e cursos  — esse é um bom começo para identificar possíveis sócios.

 

Avalie o histórico profissional do sócio

Como o sócio investidor terá uma posição na gestão, é importante que ele tenha experiência para lidar com as responsabilidades.

Por isso, comece analisando o histórico desse profissional.

Avalie resultados que ele obteve em outras empresas, projetos anteriores que realizou e de que maneira poderia contribuir (além do dinheiro) para o crescimento do negócio.

 

Saiba quais são os objetivos do sócio

Outra etapa fundamental é conhecer os objetivos do profissional em atuar na empresa.

Deve haver compatibilidade entre o que ele almeja obter a partir do ingresso na sociedade e o que você próprio espera para o futuro do negócio, de maneira a evitar atritos na gestão.

 

Analise perfil e competências

Conhecer o perfil do sócio investidor, quais são seus valores, princípios e formas de agir é primordial para que a gestão caminhe em uma única direção.

Avalie quais são as ideias desse profissional.

Elas estão alinhadas com as suas?

Claro que o profissional deve trazer novas perspectivas, caso contrário não faria sentido firmar uma parceria.

Mas é preciso, mais uma vez , haver compatibilidade.

Além disso, analise as competências técnicas do sócio.

O ideal é que ele apresente habilidades complementares às suas para aumentar o nível de expertise e desempenho da empresa.

Se todo o checklist acima demonstrar que existe alinhamento entre você e o sócio, é hora de definir responsabilidades e firmar a sociedade.

Gostou dessas dicas?

Deixe um comentário contando que tipo de sócio investidor você busca e compartilhe o artigo nas suas redes sociais.

 

Recomendados

Investimentos

Cálculo de depreciação: como fazer e qual sua importância

...

3 anos atrás

Investimentos

Cash & carry: conheça detalhes sobre essa estratégia

Entenda mais sobre essa estratégia de arbitragem na qual o investidor é, ao mesmo ...

3 anos atrás

Investimentos

Copom: Veja os temas da última reunião e como eles impactam seus investimentos

Com Selic em baixa é preciso uma mudança na forma de investir para continuar tendo ...

3 anos atrás