ROIC: o que é e porque você deve ter esse indicador na cabeça

Aprenda o que é ROIC, as vantagens, desvantagens, como calcular e porque é importante ter esse indicador em seu negócio.

O que é ROIC?

Saber o que é ROIC (retorno sobre o capital investido) é fundamental para qualquer investidor que deseja acompanhar a evolução da rentabilidade da empresa a partir do dinheiro que é investido nela.

De forma geral, o ROIC informa o quanto uma companhia é capaz de gerar a partir de todo capital investido, incluindo aportes de terceiros ou por meio de dívidas.

Avaliar a capacidade de uma empresa de investir o seu capital de forma inteligente é imprescindível para saber se o retorno realmente irá acontecer e reafirmar a segurança do investimento.

Como calcular o ROIC?

Para calcular basta seguir a seguinte fórmula:

ROIC = NOPLAT/ Capital investido

Sendo o NOPLAT o “Net Operating Profit Less Adjusted Taxes”, ou seja, o lucro operacional (ou EBIT) menos os impostos.

Como capital investido, entende-se todo o valor alocado pela empresa considerando a soma do capital dos acionistas e de terceiros.

Para calcular o ROIC utilizamos o NOPLAT no lugar do lucro líquido porque o primeiro não considera as despesas de endividamento e nem um possível benefício fiscal.

Como interpretar o ROIC?

Feito o cálculo, vamos para o próximo passo. Para ter real noção de quanto lucro uma empresa ganha por ano com o dinheiro que lhe é investido, é preciso saber interpretar o índice.

De certo modo, se a porcentagem é baixa, a companhia não obteve muito êxito com os investimentos. Se o resultado for alto, a empresa está gerando lucro com os ativos e investindo de forma estratégica o dinheiro dos acionistas e stakeholders.

Cuidados na interpretação do ROIC:

É importante levar em consideração que a equação do ROIC olha para a organização como um todo e analisa as médias de todas as atividades em conjunto no lucro. Por isso, não dá para apontar quais investimentos estão dando mais retorno para a companhia no momento. 

Depois de calculado, outra opção é compará-lo ao custo de capital de uma empresa para saber se a companhia avaliada está criando valor.

Se o índice apresentado for maior do que o Custo Médio Ponderado de Capital (WACC), a companhia está produzindo valor e os investimentos estão sendo empregados corretamente. 

Uma referência comum para evidências de criação de valor é um retorno superior a 2% do custo de capital da empresa. Se o ROIC for menor que isso é considerado um “destruidor” de valor. 

Algumas empresas chegam a operar com um nível de retorno zero e não possuem capital excedente para investir no crescimento futuro.

ROIC: vantagens e desvantagens

Nenhuma métrica fundamentalista é passível de falhas, por isso elencamos os principais prós e contras do retorno sobre capital investido.

Vantagens do ROIC

  • Eficiência na gestão
  • Melhor esclarecimento da Demonstração de Resultados
  • Compara desempenhos de duas ou mais empresas
  • Importante indicador de vantagem competitiva

Desvantagens do ROIC

  • Taxas de câmbio podem afetar o índice devido ao custo de capital
  • Pode ser manipulado por levantamentos contábeis suscetíveis a fraudes
  • Não identifica qual segmento do negócio está gerando valor
  • É um indicador isolado.

Diferença entre ROIC e ROI

Muitos investidores ainda confundem o ROIC com o ROI (retorno sobre investimento). O segundo mostra o quanto de dinheiro é gerado por um único ativo.

Diferente do ROIC, o ROI não fornece muitas informações sobre o desempenho da empresa, seus impostos, custos operacionais e dívidas.

Mesmo assim, o índice é bastante utilizado para saber se os resultados estão bons como planejado, pois indica a margem entre quantos reais foram investidos e quanto gerou de retorno, levantando os dados necessários para cálculo de margem de lucro.

Vale ressaltar a importância de mesclar indicadores financeiros para tomar as melhores decisões relacionadas a investimentos. Entender o que é ROIC e uni-lo a outros índices estratégicos pode ser o planejamento que você precisa para focar em rentabilidade e ter sucesso nas suas escolhas!

Recomendados

Investimentos

Ações preferenciais ou PN: entenda qual a vantagem

Ações preferenciais ou PN são ações com prioridade na distribuição de ...

3 anos atrás

Investimentos

Conselho Monetário Nacional: o que é e qual é sua importância?

Entenda o que é e como funciona o Conselho Monetário Nacional ...

3 anos atrás

Investimentos

COE: o que é, quais as principais vantagens, como funciona e mais

Conheça o COE, saiba suas vantagens, desvantagens, tipos, taxas e tributações, ...

3 anos atrás