O que é trade: tipos e por onde começar

Entender o que é trade é o primeiro passo para operar no mercado de ações. Confira os tipos de trade e por onde começar.

Entender o que é trade é um dos primeiros passos para quem deseja investir diretamente na Bolsa de Valores.

Não importa se você pretende negociar ações dentro do mesmo dia ou segurar os ativos por mais tempo: só depois de entender o que é trade você conseguirá avançar de verdade na sua jornada de investimentos.

Também chamado de especulador, o trader é o investidor – profissional ou amador – que procura lucrar na compra e venda de ativos no curto e médio prazo. O objetivo é simples: comprar na baixa e vender na alta.

Mas você sabe como o trading funciona na prática? Neste artigo, você vai descobrir o que faz um trader e como se tornar um trader. Além disso, vai entender as diferenças entre day trade e swing trade.

O que é trade

Na Bolsa de Valores, trade, ou trading, é o nome dado à operação de compra e venda de ativos no curto prazo. Quem faz trade aproveita a oscilação de preços e a volatilidade para ganhar com a especulação.

Embora essa prática seja vista com um pouco de desconfiança por quem não compreende o mercado financeiro, o trader é fundamental para o funcionamento do mercado de ações, já que ele auxilia a precificar os ativos, por meio da compra e venda.

A meta do trader é comprar um ativo (que pode ser uma ação ou um contrato que representa um índice, uma moeda, etc), e vendê-lo no curto ou no médio prazo, obtendo lucro na operação.

Imagine, por exemplo, que você estude e acompanhe o mercado financeiro há anos, desenvolvendo a habilidade de entender os movimentos dos investidores para determinadas ações.

Bem-informado e sempre atualizado sobre as notícias do mercado, você descobre que existe interesse de um banco privado em se tornar acionista de uma startup do mercado financeiro. Você confia na informação e decide comprar as ações do banco a R$ 30 cada papel, supondo que as ações vão se valorizar em algumas semanas, caso a negociação se concretize.

Uma semana depois, as ações do banco já valem R$ 35, acumulando um aumento superior a 16%. Satisfeito, você vende suas ações e coloca o lucro no bolso. Se você investiu R$ 10 mil nessa operação, por exemplo, lucrou R$ 1,6 mil em apenas uma semana.

O que você fez, na prática, foi um tradeSó que, assim como a ação subiu nesse período, ela poderia ter caído. É por isso que a renda variável envolve riscos que outras operações financeiras não possuem, como a renda fixa.

Agora, vamos conhecer os dois principais tipos de trade do mercado de ações.

Tipos de trade 

Existem basicamente dois tipos de trade no mercado de ações: o swing trade e o day trade. As diferenças são fáceis de entender:

Swing trade

No swing trade, o investidor faz suas operações no horizonte de alguns dias ou semanas.

É o caso do exemplo que mencionamos acima, em que você comprou as ações em uma semana e vendeu na semana seguinte.

Traders que operam o swing trade podem se valer de dois tipos de análise.

Na análise fundamentalista, são observados os fundamentos da empresa, do setor e do mercado (como no nosso exemplo). Mas esse tipo de análise não costuma surtir tantos resultados no curto prazo.

Por isso, outra técnica muito utilizada pelos swing traders é a análise técnica, que se baseia no estudo do comportamento da ação ao longo do tempo, observando as tendências em um gráfico.

Day trade

Já o day trade possui uma única diferença relevante em relação ao swing trader: as operações de compra e venda são realizadas no mesmo dia.

Portanto, enquanto o swing trader investe com o horizonte de alguns dias ou semanas, o day trade investe em operações de curtíssimo prazo, comprando e vendendo no mesmo dia. 

Em alguns casos, a operação pode durar por alguns minutos ou horas, mas nunca pode superar um dia.

Por isso, a maior parte dos day traders utilizam a análise técnica nas suas análises, porque a oscilação do mercado no curtíssimo prazo, de horas ou minutos, dificilmente é explicada apenas por cenários fundamentalistas mais amplos.

O que é um trader e como começar a operar

Agora que você já sabe o que é trade, chegou a hora de entender como se tornar um trader.

Como já explicamos, o trader é o investidor que faz operações de compra e venda na Bolsa de Valores no horizonte de curto prazo, de alguns minutos, horas, dias ou semanas. 

Ele pode ser profissional (empregado de uma gestora, por exemplo) ou amador, operando no mercado em benefício próprio.

A seguir, reunimos um passo a passo para você entender como se tornar um trader.

Estude o mercado financeiro

Para ser um trader, você não precisa ter formação específica em nenhuma área. Mas é fundamental que conheça profundamente o funcionamento do mercado financeiro, com todas as suas vertentes e especificidades.

Para isso, a melhor dica é buscar cursos de trader que ensinem o básico para que você comece a operar nesse mercado e faça as escolhas certas nesse primeiro momento. 

Além dos cursos, há muito conteúdo disponível gratuitamente na internet, em fóruns, blogs e vídeos. Com cautela, é possível garimpar muitas informações úteis à sua jornada.

Tenha um bom mentor

Assim como é importante começar com um curso qualificado, encontrar um bom mentor que te guie nessa jornada pode fazer a diferença. Encontre um profissional com experiência no assunto, bem-sucedido e que esteja disposto a ajudar quem está começando. Nesse caso, a melhor alternativa é fazer networking e ficar atento às oportunidades, na vida real e na internet.

Escolha um estilo de análise para seguir

Você vai se dedicar à análise técnica ou fundamentalista? Vai operar que tipo de ativo?

Essas são as perguntas que você precisa responder logo no primeiro momento, antes de dar seus primeiros passos como um trader.

Nada impede que você mude de ideia ao longo da trajetória, mas, sem essa definição inicial, você não sairá do lugar.

A resposta virá dos seus estudos. A dica é começar pelos ativos mais fáceis de entender, aqueles com os quais você tiver mais familiaridade.

Defina em qual corretora você vai operar

O próximo passo é escolher a corretora na qual você vai operar. Nesse momento, analise os custos de cada plataforma e compare os serviços oferecidos, para escolher a melhor corretora para os seus objetivos.

A dica é optar pelas corretoras que oferecem as menores taxas – desde que os serviços e a infra-estrutura atendam as suas necessidades. 

Comece com risco controlado

É improvável que você inicie na sua carreira de trader com grandes lucros logo nas primeiras semanas.

O aprendizado virá com a prática, ao longo do tempo. Por isso, comece com risco controlado, utilizando uma pequena porção do seu patrimônio, aquele dinheiro que você pode perder. Depois, conforme você evolui, pode pensar em aumentar o volume investido.

Treine o seu controle emocional

Analisar o mercado é fundamental para ser um trader bem-sucedido, mas controlar as suas emoções também.

Muitos traders ficam pelo caminho porque entram em pânico ou tomam atitudes irracionais em meio a alguma crise do mercado. Por isso, o controle emocional é um item indispensável para ser bem-sucedido no longo prazo.

Acumule experiência e esteja aberto a aprender

Finalmente, a última dica tem a ver com a primeira: esteja sempre aberto para aprender cada vez mais.

O conhecimento que você pode acumular ao longo da carreira de trader é praticamente infinito. Sempre há atualizações, informações e mecanismos a aprender.

Acumule experiência ao longo do tempo e não deixe de aprender todos os dias. Assim, você se torna um trader mais preparado para vencer no mercado de ações.

E aí, gostou das dicas? Agora que você sabe o que é trade, pode cogitar dar os primeiros passos no mercado de ações.

Se você quer ficar informado sobre o mercado financeiro, não esqueça de assinar a newsletter da Capital Research.

Recomendados

Investimentos

Day trade: como funciona na prática (e dá dinheiro?)

Tire suas dúvidas sobre day trade, como funciona esse tipo de investimento na bolsa ...

3 anos atrás

Investimentos

Swing trader: como ter sucesso ao operar na bolsa

O swing trader é aquele que compra e vende ações na bolsa a partir do swing trade, ...

3 anos atrás

Investimentos

Position trade: como funciona essa operação na bolsa de valores

Position trade é uma operação de prazo mais longo. Veja a diferença para o buy ...

2 anos atrás