Longo prazo nos investimentos: o que é e como chegar lá

O longo prazo é a principal aliada para enriquecer com investimentos. Entenda por quê e como aplicar para construir patrimônio.

O longo prazo nos investimentos é uma das principais armas à disposição de quem pretende enriquecer no mercado financeiro. Investir com horizonte temporal mais amplo significa separar um dinheiro que você não vai precisar tão cedo e aplicá-lo com o objetivo de acumular capital de olho no futuro.

Essa estratégia de investimentos não é a mais excitante, porque ninguém está prometendo que você vai enriquecer de um dia para o outro. Pelo contrário: exige disciplina, consistência e paciência.

Mas, como você vai entender neste artigo, o investimento a longo prazo é a melhor alternativa para quem deseja alcançar a independência financeira e quer fazer o dinheiro trabalhar para si mesmo.

O que é longo prazo nos investimentos

Longo prazo nos investimentos é um horizonte de tempo no qual o seu dinheiro ficará investido. De uma forma geral, é possível definir longo prazo como, pelo menos, 10 anos.

Mas não há um número exato, porque a definição de longo prazo é subjetiva – depende do tipo de investidor e da sua mentalidade de investimentos.

Em linhas gerais, o mercado costuma trabalhar com os seguintes horizontes de tempo:

  • Curto prazo: até 3 anos
  • Médio prazo: entre 3 e 10 anos
  • Longo prazo: mais de 10 anos.

Porém, como não há um consenso, você pode encontrar investidores mais conservadores, que defendem que todo investimento com horizonte menor de cinco anos é curto prazo, e investidores mais arrojados, que consideram mais de cinco anos como longo prazo.

Percebe como a definição de longo prazo é subjetiva?  De uma forma geral, no entanto, pode-se dizer que, com essa mentalidade, o dinheiro aplicado não será requisitado tão cedo pelo investidor.

É o investimento de quem tem algum grau de educação financeira e paciência para ver os juros compostos fazerem sua mágica com o passar dos anos.

Usualmente, quem investe para o longo prazo mira a independência financeira no futuro. Tem o objetivo de acumular capital, seja para se aposentar com conforto ou poder financiar projetos em 20 ou 30 anos, como a faculdade de um filho ou a compra de um apartamento.

Portanto, sempre que você ouvir falar na montagem de uma “carteira previdenciária”, por exemplo, lembre-se de que esse é um investimento de quem está de olho no longo prazo.

Mas por que o investimento a longo prazo é tão popular? É o que vamos descobrir agora.

Por que mirar o longo prazo nas finanças

A seguir, listamos os principais motivos para mirar o longo prazo nos seus investimentos, principalmente quando falamos da renda variável.

Quanto maior o prazo, maior tende a ser a rentabilidade na renda fixa

Quando o assunto é renda fixa, você já deve ter notado que, quanto maior for o prazo, maior será a rentabilidade do investimento. Pode tirar a prova: ao comparar o mesmo tipo de aplicação, você vai notar que um prazo maior de investimento entrega uma rentabilidade maior.

Isso acontece porque o investidor é recompensado pelo tempo em que abre mão do dinheiro. Quanto mais tempo o banco ou o governo pode dispor daquele recurso, maior tende a ser o retorno ao investidor.

No curto prazo, a bolsa de valores é aleatória

Quando falamos em renda variável, é impossível deixar de notar que a bolsa de valores tem um comportamento aleatório no curto prazo. Não dá para prever qual será a variação de um papel no intervalo de alguns minutos, horas, dias ou semanas.

Mas, no longo prazo, a bolsa de valor tende a ter um retorno positivo. Observe o gráfico abaixo, que mostra o retorno anualizado das ações em diferentes países:

A imagem acima, extraída do livro “Triumph of the Optimists”, que analisou mais de 100 anos de retornos de ativos do mercado financeiro ao redor do mundo, mostra que, no curto prazo (entre 2000 e 2002, coluna verde), a oscilação das ações pode ser negativa. No médio prazo (9 anos, coluna azul), os retornos já são mais positivos e variam bastante entre os países. Em 100 anos, todos têm resultado positivo consistente.

No longo prazo, cotações seguem os fundamentos das empresas

Se no curto prazo as cotações das empresas são aleatórias, no longo prazo elas seguem os fundamentos das ações. Por isso, quem investe de olho em uma larga janela temporal se beneficia da geração de lucro dessas empresas. É o que costuma mostrar o sócio fundador do fundo Alaska, Henrique Bredda, no seu Twitter.

Recentemente, ele publicou uma série de posts em que isso fica claro. “Nas últimas 3 gerações, o comportamento do S&P acompanhou o lucro das empresas que estão no índice, numa constante ascendente ao longo das décadas. No curto prazo, é perigoso estar dentro da bolsa. O risco de perda é grande”, escreveu.

E concluiu: “Os movimentos são aleatórios e imprevisíveis no longuíssimo prazo? Não, os índices tendem a seguir o crescimento de lucros das empresas selecionadas por um processo de darwinismo”. diversos estudos que mostram a relação entre os lucros das companhias e o comportamento da cotação no longo prazo.

Juros compostos fazem mágica no longo prazo

No longo prazo, os juros compostos são a principal arma dos investidores. Isso ocorre porque a rentabilidade é calculada sobre o valor total, e não sobre o valor inicial. 

Quer um exemplo? Suponha que você tenha R$ 10 mil para aplicar e vá investir R$ 1000 todos os meses a uma rentabilidade de 10% ao ano.

Ao final de cinco anos, você teria acumulado R$ 92,6 mil. Desse montante, R$ 70 mil seriam dos seus próprio aportes, e o restante, R$ 22,6 mil, de rendimento. No total, os juros representaram 24% do montante final.

Agora imagine o mesmo cenário, mas com horizonte de investimento de 30 anos. Ao final desse período, você teria acumulado R$ 2,2 milhões, sendo R$ 370 mil fruto de aportes, e o restante, R$ 1,8 milhão, rendimento de juros. Do montante final de R$ 2,2 milhões, 81% foi proveniente dos rendimentos. Entendeu como os juros compostos fazem mágica no longo prazo?

Investidores famosos enriqueceram no longo prazo

Os investidores mais famosos da história, como Benjamin Graham e Warren Buffett, enriqueceram na bolsa de valores com investimentos de longo prazo. Buffett, inclusive, tem diversas frases muito conhecidas sobre paciência e perseverança na bolsa de valores. Selecionamos duas delas:

  • “Um pessoa só está sentada em uma sombra hoje porque outra plantou uma árvore há muito tempo atrás”
  • “Não observe o mercado muito de perto. Se investidores os investidores se preocuparem sempre que elas caírem um pouquinho, ou acharem que devem vendê-las sempre que subirem, não terão resultados muito bons”.

O longo prazo também foi o que trouxe sucesso para Luiz Barsi, um dos maiores investidores do Brasil. Com mais de R$ 1 bilhão aplicado na bolsa, ele é considerado uma das pessoas com mais dinheiro aplicado em ações. Como ele conseguiu isso? Investindo em ações há meio século.

A bolsa de valores é imbatível no longo prazo

Finalmente, é preciso lembrar que não existe investimento mais rentável que a bolsa de valores no longo prazo.

Em seu livro “Investindo em ações no longo prazo”, o autor Jeremy Siegel mostra um estudo que compara o retorno anualizado de um dólar investido em ações americanas, títulos de crédito, títulos públicos, ouro e dólar ao longo de um período de 200 anos. Veja a diferença:

As ações tiveram um retorno anualizado médio de 6,6%, muito acima de qualquer outro tipo de investimento. No longo prazo, ninguém bate a bolsa de valores.

Carteira recomendada para o longo prazo

Como vimos, o longo prazo é uma das maiores armas dos investidores para obter sucesso e enriquecer com os investimentos. Mas isso não significa que você pode escolher ativos de forma aleatória e esperar que o tempo lhe dê razão.

Optando pelos papéis que oferecem a melhor relação de risco e retorno, você consegue potencializar os ganhos no longo prazo.

Na Capital Research, você conta com o auxílio de especialistas no mercado financeiro, que passam o dia monitorando o mercado em busca das melhores oportunidades. Assine a plataforma e tenha acesso à nossa Carteira Capital, que reúne as melhores opções para quem deseja enriquecer no longo prazo.

Recomendados

Investimentos

Investimento a longo prazo: o que você precisa saber para começar?

Investimento a longo prazo é uma ótima opção para quem quer planejar um futuro ...

3 anos atrás

Investimentos

Como ganhar dinheiro na bolsa de valores (no longo prazo)

Quer saber como ganhar dinheiro na bolsa de valores no longo prazo? Confira as ...

2 anos atrás

Investimentos

Qual investimento rende mais no curto e no longo prazo?

Afinal, qual investimento rende mais no curto e no longo prazo? Tire sua dúvida e ...

2 anos atrás