Economia mista: como funciona esse tipo de sociedade

A economia mista é um tipo de sociedade com capital privado e público. Veja alguns exemplos e como funciona na prática.

economia-mista

Não sabe o que é uma sociedade de economia mista e como ela funciona na prática? Em poucas palavras, são empresas que reúnem capital privado e público e são consideradas como estatais ou governamentais. Nesse regime, o estado detém a maioria das ações ordinárias, que dão direito a voto nas decisões estratégicas e administrativas.

Pode ser que você não compreenda o conceito de economia mista ainda, mas certamente já conhece exemplos brasileiros: Eletrobras e Banco do Brasil. Quer saber mais sobre o assunto? Então, confira este guia sobre sociedade de economia mista.

O que é o regime de economia mista

Regime de economia mista é um tipo de sociedade que reúne capital privado e público. As ações da empresa são compartilhadas entre o estado e entes privados, sendo que o estado detém a maior parte das ações com direito a voto na empresa. Além disso, para ser caracterizada como economia mista, a empresa deve ser registrada como sociedade anônima.

Companhias de economia mista são consideradas como empresas estatais ou governamentais. Mas não são chamadas de empresas públicas, porque o capital não é exclusivo da União. Assim, geralmente, esse tipo de organização tem capital aberto, com ações negociadas na Bolsa de Valores. A abertura de parte das ações é uma maneira de capitalizar a empresa e angariar recursos para o governo.

Como funciona uma sociedade de economia mista na prática

Na prática, a sociedade de economia mista tem as decisões estratégicas e administrativas tomadas pelo estado, já que ele precisa deter a maioria das ações ordinárias  — aquelas que dão direito a voto em assembleias. Como se trata de uma empresa que pertence majoritariamente ao estado, deve ter objetivos que se relacionem com o interesse coletivo ou a necessidade de segurança nacional.

Para capitalização, o estado divide uma parte das ações com o mercado, na sociedade mista. Dessa forma, investidores podem adquirir ações na Bolsa de Valores e se tornar sócios da empresa. Para quem busca esse tipo de ação, entretanto, vale lembrar que o controle estatal na empresa pode interferir no valuation. Isso, porque nem sempre as medidas benéficas à política fazem bem para a sociedade mista. Quando a empresa é prejudicada em algum tipo de decisão, como o congelamento de preços, por exemplo, as ações são penalizadas.

Exemplos de sociedade de economia mista

Agora que você sabe o que é sociedade de economia mista e como funciona na prática, que tal conhecer exemplos de grandes empresas brasileiras que se enquadram nessa categoria?

Petrobras

A Petrobras é a principal empresa de exploração, produção, refino e comercialização de derivados de petróleo no Brasil, atuando nos ramos da petroquímica, energia elétrica e biocombustíveis.

Eletrobras

A Eletrobras atua como holding, controlando grande parte dos sistemas de geração e transmissão de energia elétrica no país. A estatal tem capacidade geradora que equivale a cerca de um terço do total da capacidade instalada no Brasil. Ela atua por meio de subsidiárias: Eletrobras Amazonas GT, Eletrobras CGTEE, Eletrobras Chesf, Eletrobras Eletronorte, Eletrobras Eletronuclear, Eletrobras Eletrosul e Eletrobras Furnas.

Banco do Brasil

Criado em 1808, atualmente, o Banco do Brasil entra no rol de maiores instituições financeiras do país, integrando o grupo de bancos estatais. Ele conta com uma rede de agências no Brasil e exterior, totalizando mais de 5 mil unidades.

Banco da Amazônia

Outro exemplo de sociedade mista é o Banco da Amazônia, que tem pontos de atendimento em toda a Amazônia Legal, além do estado de São Paulo e Brasília.

Benefícios de uma sociedade de economia mista

Nas próximas linhas, saiba quais são as principais vantagens de uma sociedade de economia mista no Brasil. Conheça:

Ganho de capitalização

Como as empresas de economia mista abrem parte do capital em ações na Bolsa de Valores, têm acesso ao benefício de ganho de capitalização. Dessa forma, pode viabilizar investimentos a partir do capital adquirido por meio dos investidores, além de aumentar o capital de giro.

Ganho de eficiência

Sociedades de economia mista estão expostas às melhores práticas do setor privado e possuem características da economia de mercado. Na prática, isso significa ganho de eficiência nos processos e definição de preços a partir da lei da oferta e da procura.

Mantém o estado concentrado em suas atividades primordiais

Além das empresas terem objetivos alinhados ao interesse coletivo, o estado tem propriedade de companhias em setores estratégicos da economia do país, o que permite uma atuação voltada para suas atividades centrais.

Reduz ingerência política

Uma vez que as empresas de economia mista não são controladas somente pelo Governo, a ingerência política é reduzida, porque os interesses do mercado também são considerados na tomada de decisão.

Gostou do conteúdo? Então assine a newsletter da Capital Research e receba, diariamente, novidades sobre investimentos.

Recomendados

Investimentos

A corretora Rico é confiável? Tudo o que você precisa saber antes de investir

Leia o texto e veja se a corretora Rico é confiável e se é uma boa opção para os ...

2 anos atrás

Investimentos

Ativo Circulante e Ativo Não Circulante: principais diferenças e conceitos

...

2 anos atrás

Investimentos

Câmbio flutuante: o que é e quais são seus benefícios

O sistema de câmbio flutuante é um aspecto essencial da economia brasileira. Quer ...

2 anos atrás