IT NOW IMAT: entenda como funciona o fundo de índice MATB11

ETF que tem seu rendimento ligado ao desempenho na Bolsa de empresas do setor de Materiais Básicos é gerido pelo banco Itaú.

MATB11

Com tantas possibilidade e formas de se investir no mercado de capitais, escolher a aplicação certa depende muito do perfil de investidor de cada um. A maioria dos investidores se encaixa em uma das três classificações “macro”: Conservador, Moderado ou Arrojado. Identificar, portanto, em qual destas categorias se está integrado é fundamental na atividade de investir. Para aqueles identificados com os perfis Moderado ou Agressivo, os Exchange Traded Funds (ETFs) representam um caminho interessante para se investir na Bolsa de Valores – e o MATB11 é uma das opções de ETF.

O que é MATB11?

O MATB11 é um ETF ou fundo de índice que reflete a performance do Índice de Materiais Básicos (IMAT) na B3. Esse índice reúne e avalia o desempenho das Ações de empresas que compõem o setor de produção de materiais básicos, como siderúrgicas, mineradoras e fabricantes de papeis: a Klabin e a Vale são algumas delas. Todo ETF é gerido por uma instituição financeira que acompanha o mercado de capitais diariamente e faz as negociações necessárias para dar ao ETF os melhores resultados – no caso do MATB11 a gestão é do Itaú Unibanco.

Como funciona o MATB11

Assim como em um fundo de investimentos comum, o ETF é formado por investidores que reúnem seus recursos para aplicar no mesmo ativo, potencializando os lucros e repartindo as perdas. O MATB11, especificamente, atua como um fundo do índice de Materiais Básicos (IMAT), refletindo o desempenho das ações de empresas que atuam no setor de materiais básicos. Se o IMAT valoriza 10%, o MATB11 valoriza de forma igual ou semelhante. A taxa de administração cobrada pelo gestor (Itaú) é de 0,50% ao ano.
Como investir em MATB11

Os fundos de índice (ETFs) são negociados na B3 da mesma forma que uma Ação e podem ser adquiridas pela Internet, via plataforma de acesso à Bolsa. Para atuar na compra e na venda de ativos na Bolsa, o investidor precisa abrir conta em uma das instituições financeiras autorizadas a operar na bolsa brasileira: feito isso, receberá da instituição escolhida uma plataforma digital para poder acessar a bolsa. Uma vez que possa atuar na Bolsa, o investidor precisa escolher a opção MATB11 dentre os 17 ETFs listados atualmente na B3 – é preciso comprar um mínimo de 10 cotas a um preço médio de aproximadamente R$ 36 para investir no MATB11.

Prós e Contras de investir em MATB11

Todo investimento possui vantagens e desvantagens – a escolha do melhor investimento está relacionado ao próprio perfil de investidor de cada um e traz consigo uma série de outros fatores que precisam ser levados em conta. Conheça alguns prós e contras do fundo de índice MATB11:

Prós:

Diversificação: ao aplicar no MATB11, o investidor amplia sua carteira e investe nas ações de uma série de empresas do setor de Materiais Básicos;
Custo: a taxa de administração que o Itaú cobra para gerir o MATB11 é de 0,50% ao ano, considerada baixa em relação a outros fundos;
Prático: investir no MATB11 e nos demais ETFs é rápido de fazer e fácil de entender.

Contras:

–  Economia: o desempenho dos ETFs costuma acompanhar o ciclo econômico nacional: se a economia está em baixa, a tendência é que o MATB11 a acompanhe;
Tributos: mesmo com taxa de administração considerada baixa, ainda há tributos (Imposto de Renda, IOF) que podem abocanhar boa parte dos rendimentos do fundo;
Empresas: se uma ou duas das empresas que compõem o MATB11 tiverem desempenho fraco, elas podem puxar para baixo a rentabilidade de todo o fundo.

Gostou do artigo? Então se escreva na newsletter da Capital Research e receba, diariamente, novidades sobre o mercado financeiro.

Recomendados

Investimentos

BBSD11: Entenda tudo e saiba como investir neste fundo de índice

Saiba o que são fundos de índice e conheça um pouco mais sobre um deles: o ...

2 anos atrás

Investimentos

Bolsa de Valores: o que é, qual sua importância e 5 razões para investir

A Bolsa de Valores pode ser uma maneira de aumentar a rentabilidade dos seus ...

3 anos atrás

Investimentos

Calculando o Índice de Endividamento: saiba como aqui!

...

3 anos atrás