Duration: veja como esse indicador influencia nos seus investimentos?

Indicador de risco para investimentos em renda fixa a longo prazo, o duration, mostra o prazo de retorno do título

Investimentos sempre envolvem riscos, mesmo que mínimos. Mas será possível quantificar o prazo de retorno e, consequentemente, os riscos envolvidos? Para investimentos em renda fixa, principalmente os mais longos, isso é possível com o cálculo duration.

Muito utilizado na contabilidade das empresas e no mercado financeiro, o duration que, traduzido do inglês significa duração, mostra exatamente o que a palavra indica: o tempo médio que um investimento leva para retornar, ou seja, a sua duração.

Criado pelo canadense Frederick Macaulay, a ideia de duração do vínculo, a “duration”, foi criada como forma de complementar a ideia de maturidade de um título a partir da criação de novos tipos de aplicação surgidos durante a primeira metade do século XX.

Está gostando do conteúdo da Capital Research? Então, acompanhe o artigo até o final para ver como diversificar a carteira de títulos de maneira equilibrada com o duration.

O que é Duration?

É um indicador em unidades de tempo (por exemplo: meses ou anos) que irá mostrar o prazo médio de recuperação de investimento. É utilizado para indicar os riscos de títulos de renda fixa (prefixados) em relação ao tempo de investimento e às mudanças nos juros.

O resultado do cálculo do duration vai indicar a volatilidade do título. Maior duration significa que o investidor vai demorar mais para recuperar o que foi empregado como investimento, situação que pode indicar os riscos envolvidos.

Dúvidas? Continue acompanhando o artigo que explicaremos como calcular e analisar o duration.

Para que serve o Duration?

Serve para saber quanto será o tempo de retorno do investimento. O tempo é importante, pois maior tempo de retorno indica também maior tempo em que o título estará exposto às variações de mercado.

Há um porém. A aplicação da fórmula só é possível em títulos que pagam cupons durante o prazo de vencimento. Os valores devolvidos periodicamente, chamados de cupons, são os responsáveis por determinar o duration, por isso é uma conta para títulos prefixados.

Títulos sem cupons pagos antes, ou pós-fixados, terão um duration igual a zero, sendo que os juros só serão determinados no vencimento . Isso significa que é uma conta infundada para esses casos, visto que não há a necessidade de cálculo. Conforme existe uma data de vencimento e não há antecipações de valores, não é possível saber se o retorno será mais curto ou mais longo para determinada aplicação.

Então atente-se: para ter duration, é preciso o título ser de renda fixa (prefixado) e com o pagamento de juros antecipados (cupons).

Com os resultados do duration de diversos títulos de renda fixa, é possível diversificar a carteira de investimentos, equilibrando diversos tipos de aplicações. O ideal é ter tanto investimentos curtos, com menor risco, mas com menor remuneração, quanto investimentos a longo prazo, mais expostos às flutuações, porém, melhor remunerados.

É possível estabelecer o duration para a carteira de investimentos inteira, caso seja interesse de quem negocia. É altamente recomendado fazer isso para se ter uma visão ampla do capital envolvido.

Como o Duration afeta meus investimentos?

Os investimentos são afetados à medida que o duration indica as possibilidades que o comprador de títulos tem na hora de montar a sua carteira. O ideal é balancear, como explicamos.

Ter uma carteira de renda fixa já montada com uma posterior verificação do duration pode indicar a necessidade de um rebalanceamento. Não deixe de fazê-lo!

Como calcular esse índice?

Na fórmula do duration apresentada, temos:

D = resultado da duration;

t = tempo fluxo de caixa do título;

FC = fluxo de caixa do título no tempo;

n = número de fluxo de caixa.

A aplicação do cálculo pode parecer complicada, mas com paciência é possível chegar no resultado da fórmula que indicará o duration da aplicação. É possível buscar calculadoras online especializadas nesse tipo de conta. Elas são ferramentas muito úteis para investidores.

Em um cenário hipotético, temos um título que paga uma porcentagem semestral em cupons, com um valor a ser pago no vencimento, a uma taxa prefixada e com um tempo de vencimento. No caso um vencimento de 3 anos, um duration que seja de 2,8 indica que o prazo de retorno do investimento é inferior ao tempo total de vencimento, oferecendo menor risco.

Como é feita a análise desse índice? 

Com o cálculo feito, a ideia é de que um número mais elevado representa a possibilidade de o valor do investimento sofrer uma baixa caso a taxa de juros suba com o tempo. E o contrário também acontece. Caso o resultado do duration seja menor, a propensão é de que o título não sofra tanto, pois estará menos exposto.

Assim, cada analista pode traçar um parâmetro da própria aceitação aos riscos. Investidores com perfis mais arrojados podem avaliar o duration de uma forma diferente dos mais conservadores, que tendem a buscar duration menores.

O prazo de retorno médio exposto nada mais é que uma indicação do risco que cada um está disposto a tomar, como já foi explicado. Aplicações mais longas representam maior tempo que o título fica sujeito às flutuações, assim como o contrário acontece com aplicações de prazos curtos.

Gostou do conteúdo? A Capital Research oferece explicações consistentes sobre investimentos e sobre o mercado financeiro. Além do Capital Blog, com artigos acessíveis a todos, oferecemos conteúdos exclusivos de forma Lite e Premium pelo site. Conheça os nossos serviços e faça parte do mundo dos investimentos.

 

Recomendados

Investimentos

Como comprar ações: confira o passo a passo e 4 formas diferentes para voce começar a investir agora!

Devido à queda da taxa SELIC e a baixa rentabilidade da renda fixa, demanda-se ...

3 anos atrás

Investimentos

Bearish: Sobre ursos e touros no mercado financeiro

Saiba tudo em nosso artigo sobre o bearish no mercado de ações, qual é o seu ...

3 anos atrás

Investimentos

Custo operacional nos investimentos: o que é e como calcular?

Entenda o que é o custo operacional nos seus investimentos e quais são as taxas e ...

3 anos atrás