Descubra como calcular juros ao mês a partir da taxa anual

Quer descobrir como calcular juros ao mês a partir de uma taxa anual? Entenda como chegar a esse valor de forma prática.

Calcular juros ao mês a partir de uma taxa anual é mais fácil do que parece. Com um conhecimento básico sobre juros compostos, você consegue resolver a equação e encontrar esse valor, mesmo sem ser um grande especialista em matemática financeira.

Não importa se você tem investimentos na renda fixa, está planejando um financiamento ou deseja fazer um empréstimo: o cálculo de juros ao mês é essencial para não ser deixado para trás. 

Neste artigo, você vai descobrir como calcular juros ao mês partindo de uma taxa anual, por meio de exemplos de fácil compreensão.

Como calcular juros ao mês com fórmula ou calculadora

Para calcular juros ao mês a partir de uma taxa mensal, você precisa utilizar uma equação que leva em consideração os juros compostos.

Suponha, por exemplo, que um investimento tenha uma rentabilidade de 9% ao final de 12 meses. Não basta simplesmente dividir 9% por 12, porque, nos juros compostos, os juros incidem sobre o montante acumulado, e não sobre o valor inicial. Na prática, são juros sobre juros.

Por isso, é necessário utilizar uma fórmula específica: 

  • iM =12(1+iA) -1

Nessa equação, iM é a taxa de juros mensal e iA a taxa de juros anual. A partir daí, basta resolver a equação para calcular juros ao mês. Como exemplo, vamos resolver a fórmula supondo uma taxa de juros anual de 9%. Acompanhe:  

  • iM =12(1+0,09) -1
  • iM =12(1,09) -1
  • iM =1,0072 -1
  • iM =0,0072
  • iM =0,72%

Portanto, a taxa de juros mensal é de 0,72% para a taxa de juros anual de 9%.

Calculadoras de juros compostos auxiliam o investidor

Se você não simpatiza com a matemática financeira, pode recorrer a calculadoras online de juros compostos, que fazem a conversão da taxa de juros anual para mensal de forma automática, para calcular juros ao mês.

Há diversas ferramentas deste tipo na internet, porque elas acabam simplificando e agilizando o trabalho do investidor.

De qualquer forma, a compreensão da fórmula é importante para que o investidor saiba exatamente o que está fazendo e possa conferir os dados, em caso de dúvidas.

Importância de calcular juros ao mês nas finanças

Calcular juros ao mês e ao ano é um hábito comum de quem investe para o longo prazo. Não importa se você investe em renda fixa ou renda variável: os juros compostos são a principal arma dos investidores para multiplicar o patrimônio.

Se você investe com a mentalidade de buy and hold, por exemplo, com foco em uma larga janela temporal, vai se beneficiar dos juros compostos todos os meses, mas a “mágica” vai aparecer de fato no futuro.

Quer um exemplo? Imagine que você tenha um patrimônio inicial de R$ 50 mil e pretenda fazer aportes regulares de R$ 2 mil pelos próximos 30 anos.

A uma taxa de juros mensal de 0,72% – a mesma do exemplo anterior –, você levaria quase 16 anos para chegar a R$ 1 milhão. Mas, para chegar ao segundo milhão, seriam necessários apenas mais 6 anos e alguns meses. 

Depois, para o terceiro milhão, bastariam mais 4 anos. E, com pouco mais de 3 anos, você chegaria ao quarto milhão. 

Entendeu a mágica e por que é tão importante calcular juros ao mês? Os juros compostos incidem sobre o valor total e permitem que o seu patrimônio tenha um crescimento exponencial no longo prazo. 

Você leva 16 anos para acumular o primeiro milhão, mas apenas três anos entre o terceiro e o quarto. Impressionante, não?

Para isso, você precisa começar a investir o quanto antes. No longo prazo, os retornos vão depender de três fatores:

  • O montante que você investe mensalmente
  • A taxa de rentabilidade
  • O tempo de investimento

Alguns investidores acabam focando apenas na taxa de rentabilidade e negligenciam os outros dois fatores. Para usar os juros compostos ao seu favor, você precisa começar cedo

Mas vale lembrar que os juros compostos também podem ter um comportamento nocivo para as suas finanças, se você não tiver um controle financeiro pessoal. Isso porque o cheque especial e o rotativo do cartão de crédito também utilizam os juros compostos. 

Nesse caso, se você não quitar suas dívidas a tempo, a bola de neve pode se acumular e ficar impagável após alguns anos, ou mesmo meses, já que as taxas são muito superiores a qualquer tipo de rentabilidade oferecida por produtos de renda fixa, por exemplo.

Calcular juros ao mês com a Calculadora do Cidadão

A Calculadora do Cidadão, criada pelo Banco Central, é uma alternativa de calculadora de juros compostos para você conferir e agilizar os seus cálculos de aplicações financeiras ou empréstimos.

Embora ela não converta a taxa de juros anual para mensal, a calculadora permite descobrir quatro fatores relacionados a juros compostos e aplicações financeiras:

  • Número de meses: permite saber quanto tempo é necessário investir para chegar a determinado valor
  • Taxa de juros mensal: permite descobrir o valor da taxa de juros mensal de um empréstimo, por exemplo, considerando o pagamento total ao fim do prazo
  • Cálculo do valor atual: permite descobrir quanto é necessário depositar para atingir um objetivo no futuro
  • Cálculo do valor final: permite descobrir o retorno de uma aplicação financeira.

Além disso, a Calculadora do Cidadão também possui outros formatos, como cálculos de financiamentos e correção de valores considerando a inflação de um determinado período.

E aí, gostou do texto? Descobriu como calcular juros ao mês e entendeu a importância dos juros compostos para sua bola de neve de investimentos? Assine a Capital Research para acelerar ainda mais a sua jornada de investidor.

Recomendados

Investimentos

Aprenda já a calcular juros de empréstimo

Entenda um pouco mais sobre Juros Simples e Juros Compostos e veja como realizar o ...

3 anos atrás

Investimentos

Entenda como utilizar o Excel para calcular juros compostos

Veja em passos simples e explicados como usar o Excel para calcular rapidamente e ...

3 anos atrás

Investimentos

Confira aqui uma fórmula de juros para ajudar você a conhecer melhor seu empréstimo

Entenda como calcular juros simples e juros compostos e aprenda uma fórmula que ...

3 anos atrás