CBLC: o que é e quais são as principais funções da Companhia?

Descubra o que é e quais são as principais funções da CBLC no mercado de capitais brasileiro.

cblc

Se você tem interesse em começar em investir nas ações do mercado financeiro, saiba que é importante conhecer a CBLC (Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia). Ela é responsável por garantir a custódia e liquidação segura das ações e títulos do mercado de capitais. Atualmente, ela compõe a estrutura principal da Bovespa.

Quer entender melhor quais são as atribuições dessa companhia? Então continue lendo e esclareça todas as suas dúvidas sobre a CBLC e como ela pode contribuir para os seus investimentos.

O que é a CBLC?

A Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia (CBLC) é o órgão que tem como principal objetivo custodiar, liquidar e garantir as transações de títulos e ações negociadas na Bolsa de Valores.

Na prática, sempre que um investidor compra ações na Bolsa, os títulos ficam sob a custódia da Companhia. Assim, caso a corretora de valores decrete falência, as ações poderão ser recuperadas sem nenhum prejuízo para o cliente.

Com sede na cidade de São Paulo, a Companhia foi criada em 1997 como uma empresa independente. Ela surgiu com a proposta de modernizar o mercado financeiro brasileiro, substituindo a antiga Caixa de Liquidação.

Hoje em dia, a CBLC é uma entidade auto-regulada, que desenvolve suas ações sob a supervisão da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) com gestão direta da B3.

Em 2008, a entidade passou por outra mudança. A partir da fusão da Bovespa com a BVM&F, ela mudou o nome para Câmara de Ações e Renda Fixa Privada. A administração da Companhia também foi transferida para a Bolsa, assim como as outras câmaras de liquidação do mercado. 

Como funciona e qual a importância da CBLC?

A CBLC desempenha um papel importante para os investidores da Bolsa e até do Tesouro Direto. Afinal, a entidade desenvolve ações que garantem a segurança do dinheiro investido pelos clientes.

Atualmente, a Companhia tem sob sua custódia, mais de 6 trilhões de títulos e ações de diversas companhias. Além disso, ela é responsável por liquidar cerca de 95% das negociações realizadas dentro da Bolsa de Valores brasileira.

O Serviço de Custódia Fungível da instituição não atua somente como depositário de ações de companhias abertas. Ele também pode oferecer serviços para outros instrumentos financeiros, tais como: 

  • Certificados de privatização;
  • Debêntures;
  • Certificados de investimentos;
  • Quotas de fundos imobiliários;
  • Títulos de renda fixa

Confira nosso passo a passo de como investir em ações com pouco dinheiro.

Quais as principais funções da CBLC?

Apesar das suas ações não serem muito conhecidas pelos investidores, a CBLC desenvolve funções importantes para que as operações na Bolsa aconteçam de maneira transparente, segura e eficiente.

Confira abaixo quais são as principais atividades realizadas pela instituição e como elas refletem nos investimentos dos clientes.

 

Compensação e liquidação

Os serviços de compensação e liquidação são alguns dos mais importantes prestados pela Companhia. Eles são realizados com base nas melhores práticas internacionais e dispõem de grande flexibilidade para atender às necessidades dos investidores.

A CBLC possui um sistema eficiente que oferece informações em tempo real sobre a liquidação ou compensação. Além disso, ele não requer a confirmação de terceiros, o que torna o processo ágil, prático e seguro.

Esses tipos de operações também pode ser realizados através de outros serviços da Companhia, tais como: o Serviço de Liquidação Garantida Líquida e o de Liquidação Bruta Facilitada. 

 

Banco de Títulos

Através do Banco de Títulos, os investidores podem disponibilizar suas ações para empréstimo em troca de uma garantia. Desse modo, se você fizer um short selling com títulos emprestados de terceiros, a CBLC faz com que a transação seja segura para ambas as partes.

Para ter acesso a esse serviço, o investidor precisa pagar uma taxa ao dono do título emprestado e à Companhia. Toda a operação é realizada através do sistema eletrônico da entidade.

A instituição permite que os donos de carteiras de investimentos ofereçam suas ações para empréstimo. Isso abrange pessoas físicas e jurídicas que cumpram e estejam de acordo com as exigências legais desse tipo de processo. 

CBLC e a cobrança da Taxa de Custódia

Ao realizar uma compra de títulos na Bolsa de Valores, o investidor precisa pagar a taxa de custódia da CBLC. Essa tarifa é cobrada para cobrir os custos da Companhia referentes à guarda dos títulos e das informações das operações. 

Assim, você precisa pagar para que a instituição mantenha o seu investimento seguro, caso aconteça algum imprevisto com a corretora como a sua quebra.

Quanto ao valor e cobrança da Taxa de Custódia, ela varia de acordo com cada título adquirido pelo investidor. Por exemplo, quem investe no Tesouro Direto, precisa pagar uma taxa anual de 0,30% sobre o valor total do montante.

Essa cobrança pode ser antecipada, caso o investidor faça o resgate antes ou no dia do vencimento do título. Por isso, é importante ficar atento quanto às tarifas cobradas e o impacto no seu investimento.

No caso dos outros títulos privados, as taxas são cobradas diretamente pelas corretoras de valores de maneira progressiva. Na maioria dos casos, essas instituições cobram taxas fixas a cada operação, valores mensais ou isentam os clientes da cobrança. 

CBLC e CEI

Com o propósito de tornar as operações financeiras mais transparentes para os investidores, a CBLC lançou o Canal Eletrônico do Investidor (CEI). Através desse portal, é possível consultar informações sobre as transações realizadas dentro da Bolsa, tais como: 

  • Ativos financeiros;
  • Ações adquiridas;
  • Empréstimos;
  • Garantias;
  • Proventos;
  • Tesouro Direto;
  • Valores mobiliários. 

Por meio do CEI, os investidores podem acompanhar, em tempo real, as principais informações sobre suas operações. Para tanto, basta inserir a senha de acesso que é fornecida pela própria corretora de valores no ato da criação da conta na B3.

Caso o investidor tenha perdido a senha, basta fazer a solicitação de recuperação na página de login. Ao clicar em “esqueci minha senha” e preencher os dados, as informações da conta serão encaminhadas para o e-mail que foi cadastrado pela corretora.

Aproveite para assinar nossa newsletter e receber informações sobre o lançamento da Capital Research.

Recomendados

Investimentos

Anbima: entenda o papel dessa associação reguladora do mercado financeiro

Saiba mais sobre o que é a Anbima, entendendo seu papel regulador do mercado e ...

3 anos atrás

Investimentos

Capacidade produtiva: o que é e como analisar nos investimentos

A capacidade produtiva é um fator importante ao analisar uma ação da bolsa. Saiba ...

3 anos atrás

Investimentos

Entenda o que é e como funciona o fundo de investimento

Uma das opções mais populares do mercado, o fundo de investimento pode ser a ...

3 anos atrás