Ações recomendadas e dicas para investir (GUIA)

Apenas seguir ações recomendadas não é caminho mais indicado na sua jornada de investidor. Descubra como avançar.

Se você busca ações recomendadas para começar sua jornada de investidor, é melhor se preparar antes de comprar os primeiros papéis. Afinal, entrar no mercado financeiro exige conhecimento, estratégia e uma boa visão de negócios, para além do capital.

Você já tem sua reserva de emergência, já fez algum curso ou tem um grande investidor como referência? Se a resposta foi não para alguma das perguntas, é ainda mais importante conferir nossas ações recomendadas e dicas para investir.

Leia até o fim para investir com inteligência. 

Antes de buscar ações recomendadas: 6 passos 

Antes de buscar ações recomendadas e oficializar sua entrada na bolsa de valores, você deve estar pronto para assumir riscos e criar sua estratégia de investimento. 

Siga estes passos para iniciar sua jornada de investidor.

1. Leia muito 

O primeiro passo para se tornar um investidor bem-sucedido é ler muito, pois o mercado financeiro é complexo e o conhecimento será seu guia para encontrar os ativos mais promissores. Você pode começar pelo próprio blog da Capital Research, que é rico em conteúdos que vão desde os conceitos básicos até estratégias mais avançadas de investimento.

E lembre-se: não adianta buscar ações recomendadas se você não entender a dinâmica da bolsa, os diferentes perfis de investidor e conceitos essenciais como rentabilidade, liquidez e risco.

2. Faça cursos gratuitos

Para ajudar você na aprendizagem, existem ótimos cursos online e gratuitos focados em formar investidores. Entre os mais populares estão os cursos da Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais).

No site da associação, você encontra opções de formação para o mercado de renda fixa, ETF, fundamentos de economia, gestão de carteira, planejamento de investimentos e muito mais. Além disso, a própria B3 oferece cursos online focados em renda variável, renda fixa, derivativos e commodities em seu canal B3 Educação

3. Assista entrevistas com gestores 

Aprender com os gestores de investimentos é outro passo importante, pois somente a experiência revela alguns caminhos do mercado financeiro. 

No YouTube, você tem inúmeras entrevistas e canais para estudar de graça. Algumas dicas de canais interessantes são: Suno Research, XP Investimentos e BTG Pactual Digital

4. Inspire-se em grandes investidores 

Além de acompanhar os conteúdos do mercado, é importante ter como referência grandes investidores que fizeram história e eternizaram seus métodos de investimento. 

É o caso do oráculo Warren Buffett, defensor da análise fundamentalista, e da lenda de Wall Street Jesse Livermore, que inspira os traders mais ousados. Também vale conhecer a trajetória de brasileiros notáveis como Luiz Barsi Filho e Lírio Parisotto.

5. Crie sua reserva de emergência

Antes de buscar ações recomendadas, fundos de investimento, títulos de renda fixa ou qualquer outro ativo financeiro, você precisa, obrigatoriamente, ter uma reserva de emergência. O valor ideal é de seis a doze vezes seus gastos mensais, de acordo com seu perfil, para que você consiga lidar com qualquer imprevisto sem ir à falência. 

6. Diversifique o portfólio

Você pode buscar ações recomendadas se forem compatíveis com seu perfil de investidor, mas sua carteira de investimentos terá que ser diversificada. É como diz a famosa frase do mundo das finanças: “nunca coloque todos os ovos na mesma cesta”.

Ao distribuir seu capital em ativos diversos, você dilui o risco e aumenta suas chances de ter retornos consistentes em longo prazo, além de ter mais liberdade para gerenciar seu portfólio conforme o cenário. 

5 ações NÃO recomendadas 

Nem sempre as ações recomendadas vão se encaixar no seu perfil e objetivos, e você precisa estar atento aos erros mais comuns na hora de escolher os papéis.

Veja quais falhas evitar desde o início:

  1. Basear-se apenas na rentabilidade passada: uma regra essencial da renda variável é que “rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura”
  2. Seguir tendências e dicas à risca: o “efeito manada” é devastador nos investimentos, e não vale a pena comprar ações só porque alguém recomendou 
  3. Diversificar demais ou de menos: se você diversificar demais, pode não ter a rentabilidade esperada, e se diversificar de menos, pode arriscar todo o seu patrimônio
  4. Buscar ganhos rápidos: ganhar dinheiro em curto prazo na bolsa envolve riscos altíssimos e só é indicado para traders experientes — por isso, o caminho é sempre o retorno consistente em longo prazo
  5. Não se preparar para perdas: as chances de prejuízo andam lado a lado com as perspectivas de lucro na bolsa, e você precisa ter sempre um plano B para recuperar eventuais perdas. 

Ações recomendadas pela Capital Research 

Para ter acesso a ações recomendadas por especialistas do mercado financeiro, você pode escolher um dos planos da Capital Research:

  • Plano Lite (grátis): perfeito para investidores iniciantes, com uma carteira composta pelas melhores ações, fundos imobiliários e ativos de renda fixa
  • Plano Premium (R$ 14,90/mês): para investidores que querem ganhos acima da média em longo prazo, investindo em diferentes classes de ativos. Seu diferencial é o acesso ilimitado às quatro carteiras completas (ações, fundos de investimento, fundos imobiliários e renda fixa) e seus relatórios. 

Por ser uma casa de investimentos independente, a Capital Research pode entregar análises transparentes e sem conflitos de interesse, que realmente ajudam você a investir com mais inteligência. Então, se você quer as melhores ações recomendadas, esse é o caminho mais seguro.

Recomendados

Investimentos

Ações preferenciais ou PN: entenda qual a vantagem

Ações preferenciais ou PN são ações com prioridade na distribuição de ...

3 anos atrás

Investimentos

Análise técnica: o que é e como lucrar com ações

Análise técnica é uma ferramenta utilizada para qualificar o investimento no ...

2 anos atrás

Investimentos

Blue Chips: saiba o que são e como escolher as melhores ações

Vai investir na Bolsa? Saiba como entrar em ações com altos volumes de negociação ...

2 anos atrás